Maço 59

Description level
Instalation unit Instalation unit
Reference code
PT/TT/TSO/0059
Title type
Formal
Date range
1594 Date is certain to 1818 Date is certain
Dimension and support
80 doc. (382 f.); papel
Custodial history
Em 2011, perante a desorganização encontrada dentro desta unidade de instalação, em virtude da documentação não se apresentar separada em capilhas, os documentos foram separados e acondicionados, tendo as capilhas sido numeradas sequencialmente - que podem conter documentos simples, ou documentos compostos ou macetes - tal como foram os respectivos conteúdos (desde que apresentassem dois ou mais fólios escritos e estivessem desprovidos de foliação original) de modo a possibilitar o mínimo de controlo físico.

Contém documentos truncados.

Este trabalho foi desenvolvido por Maria Filomena de Sequeira Carvalho (Torre do Tombo).

Scope and content
Contém documentação pertencente ao Conselho Geral, à Inquisição de Lisboa, de Coimbra, Évora, Angola, Brasil, Índia e Espanha.



Compreende apontamentos de provisões de ordenados dos ministros e oficiais, e instrução na fé católica (1818), certidões, informação de Manuel Almeida de Azevedo e Vasconcelos, de Coimbra, sobre a tomada de contas a Manuel Correia da Fonseca, tesoureiro, e do seu sucessor Manuel Correia Xavier (1790).



Reúne certidões: de publicação de editais, do baptismo de Antónia Maria do Nascimento, do bispado de Elvas (1784), do casamento de António Joaquim de Oliveira com Rosa Catarina, de Elvas (1812), e lista de localidades que receberam editais.



Integra correspondência do promotor Sebastião Pita de Castro, da Inquisição de Coimbra, a informar que o nome de Luís de Miranda Castro, cristão-novo, estanqueiro do tabaco consta no reportório (1726).



Contempla a certidão de repreensão feita ao padre Francisco Teixeira por frei Tomás da Purificação, passada por frei Anselmo, vice-prefeito dos Capuchos de Angola e comissário do Santo Ofício (1728), requerimento do doutor Tomé Guerreiro Camacho e Aboim, médico, bem como correspondência do bispo de Angola e Congo e certidão "in verbo sacerdotis" (1727).

Inclui ainda, a informação do modo em que se desterrou o médico Tomé Guerreiro Camacho de Aboim para Cambambe, carta de Francisco Teixeira, entre outros.



Contém correspondência dos inquisidores de Lisboa sobre o sequestro de bens executados a pessoas constantes na lista enviada pela Inquisição de Granada (1721).



Contempla a renúncia de Francisco Velho de Azevedo, rascunho, consultas, contas e apontamentos.



Reúne correspondência remetida da Inquisição de Lisboa dirigida ao conde do Redondo, a dar-lhe conta de que foi eleito escrivão para a solenidade de São Pedro Mártir (1807), e também para o marquês de Pombal efectuar o devido pagamento por ter sido escrivão da festa de São Pedro Mártir em 1795.



Inclui o aviso da reclusão do padre frei Gabriel Correia de Sampaio no Convento de Nossa Senhora da Caridade da vila do Sardoal, e da mudança para o Convento de Alfundão.



Contém o requerimento do preso Manuel António da Costa Pinto, cabo de esquadra do Regimento de Infantaria N.º 12.



Compreende a consulta sobre a mercê que devia ser concedida a Manuel Gonçalves Guião, bacharel, pretendente ao lugar de promotor na Inquisição de Goa (1678); carta de frei Bento de São José, do Convento da Graça de Goa dirigida a Manuel Ferreira de Mesquita sobre ordenados (1792), e ainda consulta sobre Manuel Gonçalves Guião, a servir de promotor na Inquisição de Goa (1682).

Contém também o conhecimento de António Joaquim dos Reis Portugal, comandante da nau "São Luís", do transporte de um saco dos inquisidores do Estado da Índia, de Goa com destino a Portugal (1792).



Inclui correspondência de Joaquim António de Pina para João Colaço Ramalho (1807); rol dos trastes de João Camelo […] de Miranda, procuração de Roque Pereira da Fonseca (1789), carta de Manuel Ferreira de Mesquita para Clemente José da Cunha; informação do comissário acerca do padre António Cardoso, bacharel, prior na paróquia e Colegiada de São Vicente da vila de Abrantes (1781), requerimento do beneficiado Aurélio de Brito de São Miguel, entre outros.



Integra a descrição do Brasil redigida em espanhol: alude-se à qualidade da madeira, ao tipo de clima, aos produtos cultivados e que eram transportados para Portugal, Angola, entre outros.

Inclui também, o auto de sequestro de bens pertencentes a João Pereira da Rocha [Paris] em Belém do Pará, Brasil (1743).



Contempla a cópia (incompleta) de uma crónica portuguesa.



Contém a genealogia de Pedro da Cunha Sottomaior, pareceres.



Reúne documentação da Inquisição de Coimbra:

- Correspondência e relação de bens imóveis de cinco penitenciados (1738-1739), requerimento de frei João do Nascimento, religioso Agostinho Descalço, e certidão passada pelo escrivão da Câmara Eclesiástica (1774), despesa feita com autos-da-fé de 1725, bem como o traslado da carta do Juízo do Fisco para se fazerem alguns sequestros e se repor o dinheiro que o juiz de fora, da vila de Pinhel mandou pagar sem ter poder para o efeito (1725).



Integra o "Preliminar da defesa do corregedor da ilha de São Miguel Joaquim José Santiago de Figueiredo Gonçalves contra a caluniosa acusação que lhe faz João António Júdice, coronel engenheiro que existiu no Governo Interino das Armas da mesma ilha" (1798).



Contém o termo de admoestação feito ao preso Manuel Fernandes, acusado de judaísmo (1626).



Reúne requerimentos de Lourenço Pereira de Azevedo, da vila de Santarém, e certidões de penhora de bens (1742), bem como autos de arrematação: de umas casas feitos na cidade de Lamego (1735), e dos bens da confiscada Inês Henriques, entre outros.



Contempla o traslado do auto mandado fazer pelo doutor Francisco de Chaves, vigário geral de Miranda (1659); auto de querela de Gonçalo Dias, cirurgião do Santo Ofício e de sua filha Paula da Silva, de 16 anos de idade, contra Bento Aranha, estudante da Universidade de Coimbra, natural de Arcos de Valdevez pelo crime de desonra (1618).



Compreende sentença cível de justificação e 2.ª via, a favor de João da Rocha Luís, morador na freguesia de São Bartolomeu, termo da cidade de Angra, ilha Terceira (1754), sentença cível a favor de José Rodrigues de Carvalho contra o reverendo José da Cunha Lima, prior da Igreja de Ançã (1783-1784).



Inclui autos cíveis entre partes, cujo autor é Francisco Lopes Coelho, porteiro da Inquisição de Évora, e o réu Manuel Nunes (1703), autos de libelo (1682), apresentação de uma petição de Francisco Fernandes de Tomar, contra António Pereira, meirinho (1630), certidões, requerimento do padre secretário da Universidade de Évora, a pedido da Irmandade de São Francisco Xavier da cidade de Elvas, a solicitar licença de impressão do "Sumário de Indulgências" (inclui despacho – 1696).



Reúne requerimentos de Estêvão Gonçalves, marchante do Santo Ofício (1621), do padre Matias Pereira, degredado e parecer (1671-1672), entre outros.

Physical location
Tribunal do Santo Ofício, mç. 59
Previous location
Documentos por identificar
Language of the material
Português, latim e espanhol
Type of container
Outro
Creation date
24/02/2011 00:00:00
Last modification
18/07/2017 10:51:08